O Seminário Sagrado Coração de Jesus abriga uma das primeiras instituições museológicas do estado de Santa Catarina, o Museu Sagrado Coração de Jesus, funcionando desde 1933 e que passou a denominar-se Museu Irmão Luiz Godofredo Gartner em 2004, uma homenagem ao seu principal mentor e idealizador, o religioso Luiz Godofredo Gartner. As primeiras atividades estavam vinculadas à implantação de um viveiro, denominado “Paraíso das Aves”. Com o tempo, Gartner desenvolveu a atividade da taxidermia – técnica de preservação de espécies animais, popularmente denominada empalhamento – reunindo um considerável acervo da fauna brasileira.

Somando-se a taxidermia, o museu foi reunindo acervos dos religiosos da Congregação dos Padres SCJ , incluindo objetos religiosos e da liturgia católica, vestimentas, arte sacra, entre outros. O Seminário, por ter sido um local de ensino, reuniu também outras tipologias de acervos: científicos, bibliográficos, paradidáticos, arqueológicos, etnológicos, de numismática e fotográfico, bem como, peças que remontam à própria história daquele espaço e da cidade de Corupá.

Em 2013, iniciou-se o Projeto de Requalificação para o Museu, sendo o resultado inicial a inauguração da exposição histórica: “Seminário de Corupá: Fé, Construção, Formação e Recanto de Paz”. Esta exposição está organizada em quatro módulos que apresentam a história da Congregação dos Padres SCJ; o fundador da Congregação, Padre Dehon; a construção do Seminário em Corupá; o cotidiano da Escola Apostólica Sagrado Coração de Jesus, que funcionou no espaço até 2012; e uma coleção de miniaturas (livro, lista telefônica, máquina de costura, etc).

O último módulo exibe o mão-pelada (Procyon cancrivorus), um dos primeiros exemplares do museu, que introduz a exposição de animais taxidermizados, localizada no andar superior apresentando diversos grupos taxonômicos. A obra de Ir. Luiz é a perfeita arte… As aves, os mamíferos, todos os animais representados, permanecem com sua beleza originária, exposta aos olhares do público. Uma poesia não escrita é o que se pode ver na delicadeza encontrada e na destreza por ele desenvolvida ao criar um vasto acervo.

Tudo aquilo que conhecemos, vislumbramos e aprendemos a admirar, torna-se mais próximo de nossa atenção e cuidados. Através de muitas descrições, hoje sabemos que Ir. Luiz ao iniciar o seu museu, teve esta grande preocupação: aproximar o contato com as riquezas da natureza e da cultura. Essa é uma parte da história do Museu… a outra parte é com você! Visite-nos!

Horário de Atendimento:

Domingo: 12h30min as 17h00min

Segunda-feira: Fechado

Terça-feira a Sábado: 08h00min as 16h00min (com agendamento prévio)

Ingresso:

R$ 7,00 – entrada inteira

R$ 3,50 – meia entrada (estudantes e aposentados)

Informativos

Informativo Nº 01 +

Informativo Nº 02 +

Informativo nº 03 + 

Informativo nº 05 + 

Informativo n° 06 +

Assista o vídeo: Irmão Luiz: 110 Anos. Clique Aqui.

Blog Museu Ir. Luiz. Clique abaixo.

FOTOS3

Vídeos

Vídeo Institucional

Reportagem do Programa Conexão Norte em 03/03/2013 pela RICTV

Vídeo Institucional

Fotos